Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

cuida-te bem

A chave para resolver muitas situações do dia-a-dia como uma gripe, insónias ou a falta de ânimo pode estar à nossa volta: a Natureza. Com a Natureza podemos cuidar da casa, da saúde, da beleza sem segredos.

cuida-te bem

Falta de Vitamina B1 pode causar: Síndrome de Wernicke-Korsakoff

Cópia de Cópia de Vitamina.png

 

Síndrome de Wernicke-Korsakoff é uma grave síndrome neuropsiquiátrica associada à carência de Vitamina B1 (tiamina), frequentemente causada por consumo excessivo de álcool e má alimentação.

O elevado consumo de álcool, não apenas por parte da população adulta, mas também, e cada vez mais, por parte dos mais jovens, apresenta-se como um problema de saúde pública preocupante. Uma das possíveis consequências do alcoolismo crónico é o desenvolvimento do Síndrome de Wernicke-Korsakoff, sem um tratamento adequado, pode progredir para um estado de estupor (estado de suspensão da atividade física e psicológica em que o doente, embora consciente, se mantém imóvel e não responde a estímulos externos), coma e até morte.

 

 

Causas

Deficiência ou carência de Vitamina B1 na alimentação.

Frequentemente ocorre junto com o Beribéri, pois possuem a mesma causa, e com alcoolismo, pois ele prejudica a absorção da Vitamina B1.

Outras possíveis causas incluem:

  • Má absorção da Vitamina B1 (especialmente por alcoolismo);
  • Deficiência nutricional;
  • encefalite herpética;
  • Hiperémese gravídica;
  • Cirurgia bariátrica;
  • Internação prolongada sem reposição de vitaminas;
  • SIDA, tuberculose e outras doenças sistêmicas crónicas.

 

 

Sintomas

A encefalopatia de Wernicke provoca confusão mental, sonolência, perda de coordenação muscular e tremores (ataxia) e Alterações na visão como movimentos anormais dos olhos (nistagmo), visão dupla e queda da pálpebra, Síndrome de abstinência alcoólica.

A síndrome de Korsakoff pode inicialmente causar grave perda de memória de acontecimentos recentes, a memória de eventos passados ​​mais distantes parece ser menos prejudicada, tendem a inventar (confabular) coisas, em vez de admitirem que não conseguem se lembrar e em fazes mais avançadas podem levar a alucinações.

 

Vitamina B1.jpg

Tratamento

Em ambiente hospitalar será administrada Vitamina B1 (tiamina) intravenosa ou intramuscular (500mg, 2 a 3 vezes por dia, durante 3 dias).

Se for possível a alimentação oral, também irá permitir a suplementação e a alimentação rica em Vitamina B1 o que pode permitir uma reversão gradual dos sinais da encefalopatia de Wernicke.
No entanto, uma deficiência em Vitamina B1 demasiado prolongada leva a que esta terapêutica se revele
ineficaz na resolução dos sinais da Síndrome de Korsakoff, podendo até levar à morte.

A mensagem mais importante é de que não se deve esperar pela confirmação do diagnóstica para dar início ao tratamento.

 

Clica para voltar

 

⚠️ Este post tem caráter meramente informativo. Não dispensa a avaliação por um profissional de saúde.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.